quarta-feira, fevereiro 28, 2007

Da Série - A Última música.

05 - Just Like Honey

"Listen to the girl/ As she takes on half the world/ Moving up and so alive/ In her honey dripping beehive/ Beehive/It's good, so good, it's so good/ So good"

"Encontros e Desencontros" poderia terminar de outra forma ??? Poderia ? A cena é linda... a Scarlett é linda... e a música do Jesus & Mary Chain é a coisa mais fofa desse mundo... Ninguém nesse mundo cinematográfico sabe usar melhor sua trilha sonora que a descolada Sofia Coppola...
Ninguém !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!




04 - Mad World

"All around me are familiar faces/ Worn out places/ Worn out faces/ Bright and early for the daily races/ Going no where/ Going no where/ Their tears are filling up their glasses/ No expression/ No expression"

O final de "Donnie Darko"... tudo bem, eu sei, foi complicado mesmo entender tudo aquilo... Mas para ficar emocionado com a versão de Gary Jules para a belíssima música do Tears for Fears, não precisava de muito entendimento.... Reparem na expressão de Jake Gyllenhaal em sua última cena... Pura poesia em um filme estranho e admiravelmente belo.





03 - Everybody's gotta Learn Sometimes

"Change your heart/ Look around you/ Change your heart/ It will astound you/ I need your lovin'/ Like the sunshine"

"Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças" já estava quase se tornando uma obra-prima... não precisava matar por completo nossos corações com uma das mais belas canções já entoadas pelo poeta Beck... Difícil não se emocionar.





02 - Where is my Mind


"With your feet in the air and your head on the ground / Try this trick and spin it, yeah/ Your head will collapse/ If there's nothing in it/ And you'll ask yourself/.../Where is my mind"


Nada foi tão chocante no ano de 1999... "Where is my Mind", da banda Pixies é tema de um dos finais mais contestadores, barulhentos e impressionantes que o cinema já teve coragem de nos presentear... "Clube da Luta" não poderia terminar de outra maneira...





01 - Save Me

"But can you save me?/ Come on and save me... /If you could save me,/From the ranks of the freaks, / Who suspect they could never love anyone"

Depois de três horas impactantes... "Magnolia" termina da maneira mais poética e singela possível... um belo sorriso (da personagem mais deprimida do longa) ao som da belíssima música de Aimee Mann.... Simplesmente inesquecível.


continuo depois...

8 comentários:

Cristiano Contreiras disse...

Oi, Guga.
Como vai?
Belas escolhes, belos filmes
Lost In Translation (me recuso a dizer o nome da bizarra tradução) é um filme pra se guardar, além desse da Sofia - eu gosto do AS VIRGENS SUICIDAS, que tem a trilha do Air...que por sinal sou fã.

Magnolia é obra-prima, um dos meus filmes de cabeceiras...e a trilha é cicatrizante.


abração

Fábio Pinheiro disse...

Belo blog! Gostei de ver algo sobre o 'Transamérica'. Procure o 'Another Gay Movie', muito deivertido. www.anothergaymovie.com Novamente parabéns pelo blog. Grande abraço!

Vinícius P. disse...

Putz, cada uma melhor que a outra (inclusive muito emocionantes). A cena final de Magnólia é uma das melhores que vi até hoje (sem falar que chorei pacas). "Mad World" também é maravilhosa.
Ótimas escolhas!!!

Anderson disse...

Não poderia ter escolhido melhor. MAD WORLD marcou mto a minha vida, vc nem sabe qto. E a música do Beck no final do BRILHO ETERNO dá aquela tristeza boa sabe? Brilhante o seu texto.

felipe disse...

Pode me chamar de exagerado, mas Brilho Eterno é o filme mais bonito de todos os tempos. E a música do Beck. Ah, a música do Beck...

Wanderley Teixeira disse...

Save me no final de Magnólia é foda!Aliás tenho todas as músicas da Mann neste filme.A de Brilho Eterno tb se encaixa muito bem.

Fabrício disse...

A trilha de Donnie Darko é sansacional, e a versão de Mad World é linda mesmo.

olavo disse...

é sometime e não sometimeS